Você é a favor da criação de Delegacias de Proteção animal?

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

ALIMENTAÇÃO


Nem preciso dizer que alimentação é uma das questões essenciais na criação do seu Pitbull.


O condicionamento físico sem a adequada alimentação, de nenhum efeito tem!

Que a ração deve conter uma boa quantidade de proteínas e as vitaminas para atender as necessidades deles agente já sabe. Claro!

Mas qual comprar????
Primeiro é necessário entender que seu animal detém uma grande explosão energética. Há uma enorme potência a ser gasta. E tem q GASTAR mesmo!

 Pesseios são essenciais! Condicionamento físico também, claro!!!!
Abuse dos brinquedos!  Há diversos tipos no mercado, maciços e realmente resistentes.

Mas a reposição dessa energia (proteínas, cálcio, gorduras, sais minerais, vitaminas...) deve ser feita de forma consciente. Não adianta dar o resto que sobrou-no-prato-do-almoço. ‘Innneendeu’?

Conversando com o veterinário da Raica, até preferencialmente completar 1 ano de idade deve-se oferecer ração q contenha leite para ajudar com o cálcio na formação óssea do bichinho. Assim até aí, comprar ração específica para filhotes.

Depois disso você pode trocar para ração de adulto gradativamente.

Neste primeiro ano de vida não é exagero dedicar-se à alimentação deles, pois, ela quem vai definir o cão depois de adulto. Lembrem-se: o cão adulto é resultado do que ele comeu quando filhote agregado a um bom condicionamento físico (sem excessos, por favor!).

Comecei dando uma ração, depois troquei e fui trocando até chegar ao resultado q estamos hoje. (o ideal é pesquisar antes para não ficar trocando tanto).

Numa loja chamada COBASI, obtive boas dicas que foram agregadas com a experiência de vida de alguns amigos, e donos, de pit’s, que casualmente encontrei em minhas andanças.

Rações Premium e Super Premium, são produtos de primeira qualidade em matéria de nutrição canina. E por isso mais caros também, meu bem! 

O motivo é simples. A formulação normalmente é baseada em carne de frango, ovelha e peru. Estamos falando de resíduos de abate mesmo, pois, as rações à base de origem animal é bem mais digestível pelo estômago dos dogs. Como têm menos trabalho na digestão, metabolizam de forma mais rápida, assim, o consumo de ração diária é menor (o bolso agradece-obrigada!).

Além de uma vida mais saudável, reduzem o volume das fezes. E eu realmente senti diferença nisso. 

Não deixe de dedicar atenção especial ao cálcio. Note sempre as patas, se estiverem com os dedos um pouco separados pode-se entrar com recurso de Calciotron, ou Calciotrat, ou até Lt80 (R.C) pode ser uma falta de cálcio. As patas devem estar sempre fechadinhas, juntinhas e firmes. Do contrário seu animal poderá ficar com aquela aparência ‘arqueada’.

RESUMO: estou oscilando entre a Club Performance da Royal C. e a Tutano/Filhotes, duas excelentes rações (avisando q. já testei Eukanuba; Golden Power; entre outras).

Faço o seguinte: compro no tal COBASI um ‘prensado’ de pescoço e miúdos de frango (praticamente uma vegetariana a minha filha). Há tbm de carne, enfim!


Coloco tudo na panela de pressão com metade d'água e deixo muuuuuuuuito tempo, de forma q ao abrir e mexer esteja + ou – um creme, uma massa molhadinha. Espero esfriar e misturo na ração. Adiciono, o AMINOMIX (fantástico – iniciei no 8º mês de vida) e, por fim, corto uma frutinha por cima.... (q foi? É a nova menina do brócolis).


O AMINOMIX (aê kd minha porcentagem??????) é o mais completo complexo vitamínico hoje (é só levantar pesquisa). Agrega valor energético e contém aminoácidos que ajudam na formação da massa muscular. O que dou para Raica é em pó (fininho) que salpico a medida por cima da ração. Tem um cheiro chatinho, mas, quando misturado no ‘rango’ tem boa aceitabilidade.
Para uma idéia mais certa, aí vai


Nenhum comentário:

Postar um comentário

VOCÊ TEM UM COMENTÁRIO?
COMPARTILHE ELE AQUI!!!